Engenharia da Motocicleta [disciplina da graduação: 2012.1]

AVISO: Olá estudantes de Engenharia Mecânica da UFPE. A disciplina “Engenharia da Motocicleta” será oferecida como “ME497 Tópicos Especiais em Energia I” [3as e 5as, 10-12h]. Pré-requisitos: Termodinâmica Aplicada e Mecanismos. Por favor, divulguem com os seus colegas.

Pelo terceiro ano consecutivo vamos oferecer uma disciplina sobre motos na UFPE: Engenharia da Motocicleta. Nosso objetivo é que os estudantes saiam com uma visão geral da tecnologia da motocicleta moderna, compreendam a fabricação e o mercado das motos, e tenham noções da modelagem do motor, suspensão e ciclística. Em outras palavras, uma formação inicial para quem quer montar sua própria fábrica de motos depois que se formar. As aulas expositivas serão divididas em seis módulos:

  • História da Tecnologia e da Indústria
  • Tecnologia das Motos Atuais
  • Propulsão
  • Quadro
  • Suspensão
  • Ciclística

Novidades

Quando oferecemos essa disciplina pela primeira vez, em 2010, o curso tinha muita termodinâmica e dinâmica. Nada mais natural, pois era a área de atuação dos professores. Depois de dois anos conseguimos encorpar bastante o conteúdo. Além da modelagem dos componentes, teremos o uso de softwares e falaremos sobre o desenvolvimento da tecnologia, demandas do mercado, materiais usados nas motos, processos de fabricação, motos elétricas e causas reais dos acidentes com motos.

Essa visão geral é importante porque a história está cheia de motos interessantes que não deram certo porque não era o que o mercado queria no momento, ou porque as fábricas não tinham fôlego financeiro para a expansão, ou ainda porque não havia materiais ou processos de fabricação de qualidade. A história conta que para montar uma fábrica de sucesso é preciso muito investimento em tecnologia, qualidade nos produtos e nos serviços, conhecimento do mercado e capacidade para expandir na hora certa.

Informações e Divulgação

Para maiores informações, passem em nossas salas para conversar ou entrem em contato por e.mail.

Um detalhe importante é que tem que haver no mínimo cinco estudantes matriculados. Por isso, pedimos que ajudem na divulgação com os seus colegas e que incluam a disciplina na pré-matrícula.

Não é porque nós ministramos, mas vale a pena cursar Engenharia da Motocicleta. Ela reúne quase tudo o que se viu no Curso de Engenharia Mecânica. Mas o bom mesmo é que os exemplos, as aplicações e as conversas sempre são sobre motos, motos e motos.